Megane-bashi: a ponte dos óculos de Nagasaki

Megane-bashi: a ponte dos óculos de Nagasaki

Megane-bashi: a ponte dos óculos de Nagasaki 1140 584 Michaël da Silva Paternoster

Megane-bashi é a ponte a mais famosa em Nagasaki. Deve a sua fama à sua beleza, mas também à sua forma atípica que se parece com óculos.

É o reflexo na água de seus dois arcos perfeitamente simétrico que deu a esta ponte seu nome e sua comparação com óculos. Na verdade, Megane-bashi simplesmente significa “Ponte dos Óculos” em japonês.

Este edifício foi construído em 1634. Naquela época Nagasaki estava expansão economica, graças à presença dos postos comerciais estrangeiros em Dejima e Tojin Yashiki. Mokusunyoujo, um monge de origem chinesa, começou a construção desta primeira ponte sobre o rio Nakajima. Oficiou no templo próximo de Kofukuji, que é o templo o mais velho da inspiração chinesa em Nagasaki.

Megane-bashi é considerada uma das três pontes mais famosas no Japão. Os outros dois são de Nihonbashi em Tóquio e ponte Kintaikyou em Iwakuni.

Visite também as margens de Nakajima

Este edifício faz parte de uma série de pontes cruzando o pequeno rio Nakajima. Todas estas estruturas são feitas de pedras e têm o seu próprio encanto. De modo que não basta visitar apenas a ponte dos óculos. Eu prefiro aconselhá-lo a passear ao longo do rio. Faça-o idealmente no final do dia, quando os raios do sol passam entre os edifícios e são refletidos no rio Nakajima.

Como chegar a Megane-bashi?


Nagasaki é uma cidade bastante estreita e é possível caminhar até Megane-bashi da maioria dos monumentos ao sul da estação de Nagasaki. Os menos corajosos vão tomar linhas de eléctrico 4 e 5 e parar em Nigiwaibashi.

Michaël da Silva Paternoster

Francês que vive no Japão desde 2016. Trabalho como gerente e consultor de marketing para várias empresas japonesas e estrangeiras.

All stories by : Michaël da Silva Paternoster
  • Faltou apenas referir que a engenharia utilizada para a construcao dessa ponte foi orientada por portugueses em finais do séc.VII

Comentários estão fechados.